O bloco caricato “Domésticas de Luxo” foi fundado em 1958, no bairro São Mateus, em Juiz de Fora, começou com seis amigos. Ao logo dos anos o bloco alcançou mais de 700 componentes e abrilhantava os desfiles das Escolas de Samba da cidade. Um dos incentivadores do bloco, na década de 60 fora o Ex-prefeito Itamar Franco. O bloco se tornou Entidade de Utilidade Pública pelo poder municipal de Juiz de Fora, em 2010, pela sua tradição, importância e por ser um bloco solidário. Além de animar os festejos de Momo de Juiz de Fora, clubes, escolas e outras cidades da região, o bloco realiza diversas campanhas sociais ao longo do ano. Participa da campanha do Papai Noel dos Correios, Arrecada mantimentos para instituições carentes, Incentiva e abre pelo 7º ano consecutivo a campanha de doação de sangue “Folião Solidário” no Hemocentro de Juiz de Fora e outras ações solidárias. É formado, somente de homens, de várias classes sociais da cidade e outras regiões, com pessoas simples, divertidas que gostam de carnaval, independente de raça, cor, religião ou condição financeira. Para participar, basta gostar de Carnaval e brincar de forma respeitosa com o público. Como Tradição Cultural de Juiz de Fora, abre o Corredor da Folia, realizado pela Prefeitura de Juiz de Fora. Este ano, o bloco estará homenageando o mundo do samba pelos 50 anos de história das Escolas de Samba e apadrinhando o mais novo bloco: “Os Mordomos”, formado somente de mulheres, esposas, namoradas, admiradoras e companheiras dos componentes das “Domésticas de Luxo”.