• Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size




 
 

NOTA DE ESCLARECIMENTOS

Prezado público;

Nosso bloco: "Domésticas de Luxo", tradicional e caricato de Juiz de Fora, foi alvo de críticas sem fundamentos e descabidas nas redes sociais, devido a reportagem de um jornal (BLOG), sem o devido conhecimento da nossa agremiação, como sendo "racista e preconceituoso, formado apenas de homens brancos e ricos".  Aqueles que não conhecem a verdadeira essência do bloco, foram pegos de surpresa e passaram  a acreditar nessa calúnia e difamação, além de outras atribuições falsas e impróprias!  Segue o nosso repúdio a essas mentiras e alegações falsas e graves!

Quando fundado em 1958 não existia qualquer tipo de preconceito, dessa natureza, com essa intensidade. É formado por qualquer pessoa (homens), independente da sua condição social, cor, religião ou qualquer motivo que o impeça de fazer parte do bloco. Ainda, em nossa diretoria e em nossa agremiação (componentes) temos integrantes, admiradores, patrocinadores e outros de origem afrodescendentes, além de sermos uma associação a qual esposas, amigos, públicos, ritmistas não são discriminados ou impedidos de participarem de nossos eventos, nossa associação ou nossos desfiles.

Ainda, nosso bloco realiza ações sociais das mais importantes como:  De incentivar a doação de sangue, junto ao Hemocentro de Juiz de Fora, visitas a entidades carentes, ajudou as vítimas atingidas pelas chuvas na região serrana do Rio de Janeiro, em 2010/2011, participou dos eventos da Fundação Ricardo Moyséis Jr (Entidade em prol das crianças em tratamento contra o câncer), doação e visita a ASCOMCER (Entidade de tratamento a pacientes com câncer); anima as festas de carnaval de escolas públicas, participa da Campanha do Papai Noel dos Correios e participou de um projeto de resocialização de presos, na Penitenciária Professor Ariosvaldo de Campos Pires de Juiz de Fora, com palestras motivacionais e de superação aos detentos. Por esse viés, aqueles que não conhecem nossa agremiação podem ter uma ideia do quanto não temos preconceitos e que não somos articuladores de qualquer tipo de discriminação ou depreciação a qualquer segmento da sociedade, em especial dos trabalhadores domésticos. Em 2014 o enredo fez uma homenagem aos trabalhadores domésticos, conforme a importância do Projeto de Emenda Constitucional (PEC das Domésticas), devido ao reconhecimento do poder público federal a essa preciosa classe de trabalhadores. Os sambas fazem alusão as Domésticas de forma respeitosa e divertida.

Em 2010 o bloco foi reconhecido pelo Poder Público Municipal de Juiz de Fora, como Entidade de Utilidade Pública, agraciado em 2014 pela Câmara Municipal, pela sua importância histórica, carnavalesca e social ao longo dos anos, assim como homegeados por outras entidades da região. Em 2015, sensibilizados com a reduzida demanda de voluntárias doadoras de leite humano, mobilizaram e divulgaram a importância de estimular a doação de leite junto ao Banco de Leite de Juiz de Fora.

O nosso bloco é formado por diversas classes sociais e jamais, somente, de homens ricos e brancos!!!!!!

Sem mais no momento;

Atenciosamente;

Diretoria - Domésticas de Luxo

 

 


JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL